Divulgação
Divulgação

Equipe Sauber passa a se chamar Alfa Romeo na temporada 2019 da Fórmula 1

Mudança faz parte de acordo de patrocínio estendido da escuderia

Redação, Estadão Conteúdo

01 Fevereiro 2019 | 11h06

O nome Sauber vai desaparecer do grid da Fórmula 1 nesta temporada. A equipe suíça anunciou nesta sexta-feira que passa a se chamar Alfa Romeo Racing como parte de um acordo de patrocínio estendido. A equipe, que terminou em oitavo lugar no Mundial de Construtores do ano passado, permanecerá sob propriedade e gestão do diretor francês Frederic Vasseur.

"É um prazer anunciar que entraremos no Campeonato Mundial de Fórmula 1 de 2019 com o nome da equipe Alfa Romeo Racing", disse Vasseur. "Depois de iniciar a colaboração com nosso patrocinador Alfa Romeo em 2018, nossa equipe teve um progresso fantástico no lado técnico, comercial e esportivo. Isso deu uma motivação para cada membro da equipe, seja na pista ou na sede na Suíça, pois o árduo trabalho investido se refletiu em nossos resultados."

A Sauber fez sua estreia na Fórmula 1 como uma equipe de empresa privada em 1993, obtendo sua única vitória no GP do Canadá, em 2008, quando competia como equipe de fábrica da BMW, com o piloto polonês Robert Kubica.

A equipe usa os mesmos motores da Ferrari, com quem tem laços estreitos e terá como dupla de pilotos o finlandês Kimi Raikkonen, campeão mundial em 2007, e o italiano Antonio Giovinazzi.

A Alfa Romeo tem grande tradição na Fórmula 1 com a conquista dos dois primeiros campeonatos mundiais em 1950 e 1951, com os pilotos Giuseppe Farina, da Itália, e com Juan Manuel Fangio, da Argentina. O falecido fundador da Ferrari, Enzo Ferrari, também começou a competir como piloto da Alfa Romeo, antes de criar a própria equipe em 1925.

Fundada em 1910, a Alfa Romeo forneceu motores de Fórmula 1 entre as décadas de 1960 e 1970 e voltou como uma equipe em 1979 antes se retirar novamente no final de 1985. A montadora italiana voltou à Fórmula 1 na última temporada após uma ausência de mais de 30 anos, assinando uma parceria técnica e comercial de vários anos com a Sauber.

"Nosso objetivo é continuar desenvolvendo todos os setores de nossa equipe, ao mesmo tempo em que permitimos que nossa paixão por corridas, tecnologia e design nos impulsione adiante", disse Vasseur, chefe da equipe.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.