Franck Robichon/EFE - 24/09/2010
Franck Robichon/EFE - 24/09/2010

Ex-chefe diz que Vettel correrá por mais 15 anos na F1

Diretor da BMW, Mario Theissen, está otimista com desempenho do jovem piloto alemão

AE, Agência Estado

22 de novembro de 2010 | 15h27

Campeão mais jovem da história da Fórmula 1, Sebastian Vettel deverá correr mais 15 anos na principal categoria do automobilismo e faturar vários títulos, de acordo com Mario Theissen, diretor da BMW, que concedeu a primeira oportunidade ao alemão, em 2006, como piloto de testes.

"Ele é um grande piloto, um dos melhores pilotos da Fórmula 1 já aos 23 anos. Se tudo correr bem, ele tem mais 15 anos na Fórmula 1, então há muitos campeonatos que ele pode ganhar se estiver no carro certo", afirmou o dirigente em entrevista ao site da revista inglesa Autosport.

Vettel foi contratado em 2006 pela BMW-Sauber para ser piloto de testes e fez a sua estreia na Fórmula 1 no GP dos Estados Unidos em 2007. No mesmo ano, ele assumiu um dos carros da Toro Rosso, onde faturou a sua primeira vitória no GP da Itália de 2008. Na temporada seguinte, foi para Red Bull, sendo vice-campeão em 2009, antes de faturar o título deste campeonato.

Theissen ressaltou que Vettel não cometeu erros nos momentos decisivos da temporada, mesmo tendo apenas 23 anos. "Ele fez um trabalho fantástico, especialmente nas últimas quatro corridas em que a pressão estava grande", disse. "Quando as coisas não seguiram o seu caminho, ele manteve a calma. Dentre os quatro ou cinco candidatos ao título, o mais jovem era o único que não cometeu nenhum erro a mais. Isso foi realmente bom".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.