F-1: filas para comprar ingressos

O primeiro dia de vendas de ingressos para o GP do Brasil nas bilheterias do autódromo de Interlagos, hoje, foi marcado pelas filas. Os guichês abriram às 9 horas, mas as 6 horas começaram a chegar os primeiros fãs da Fórmula 1. Em pouco tempo, se formaram filas. Com isso, no momento em que as bilheterias foram abertas uma aglomeração se formou na calçada. Na parte da manhã, quando o movimento foi maior, a espera média nas filas era de 3 horas e meia. A maior parte do público que compareceu hoje a Interlagos era composta por estudantes, que, ou foram comprar bilhetes (um por estudante, com desconto de 50% no preço mediante apresentação de carteirinhas de entidades como UNE e UBES) ou foram retirar os ingressos que haviam comprado antecipadamente por meio do sistema de telemarketing. À tarde, com a redução do público, as filas diante das bilheterias acabaram, mas até às 17 horas, horário do encerramento das vendas, havia torcedor procurando por ingressos. A venda recomeça amanhã, também das 9 às 17 horas. Dengue - Equipes e pilotos da Fórmula 1 que vieram a São Paulo para o GP do Brasil, receberam uma cartilha sobre a dengue, elaborada pelo Hospital São Luiz. Com texto em inglês e distribuída em versão on-line, a cartilha explica o que é a dengue, forma de transmissão, sintomas e maneiras de prevenção da doença. A informação também está disponível para os jornalistas estrangeiros que cobrem a F-1.

Agencia Estado,

25 Março 2002 | 20h06

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.