F-1: GP correu risco de cancelamento

Por pouco o GP daAustrália não foi cancelado, sábado. Paul Stoddart, da Minardi,recorreu à justiça comum para usar seus carros de 2004. A FIArespondeu: "Se a justiça australiana se acha capaz de dar razãoa uma equipe que não obedece às regras, sem sequer nos ouvir,nós também podemos escolher os países que podem ou não receber aFórmula 1." Stoddart retirou a ação, adaptou seus carros aoregulamento de 2005 e disputou a corrida. Mas não sairá impunede sua iniciativa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.