F-1: Internet é a concorrente da TV

Se existe um esporte que pode azedar as relações entre a televisão e a Internet é a Fórmula 1. Não é por outro motivo que os dirigentes da poderosa FIA, a Federação Internacional de Automobilismo, têm perdido horas em discussões e planejamentos na tentativa de, pelo menos, criar uma área de convívio pacífico entre as emissoras de TV e a Web. Boa parte do bolo milionário do circo da F-1 vem da televisão e dos patrocinadores, que nela encontram um veículo capaz de levar suas marcas para milhões de pessoas no mundo todo. Isso resulta em uma maior disposição dos dirigentes da FIA para criarem cada vez mais obstáculos para a expansão da F-1 na Internet, que, teimosa, avança sobre os pontos fracos da cobertura televisiva.Leia a íntegra no Estado

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.