F-1: Raikkonen vence o GP da Bélgica

O finlandês Kimi Raikkonen venceu, neste domingo, o GP da Bélgica de Fórmula 1 e diminuiu sua desvantagem para o líder Fernando Alonso, que ficou na segunda colocação, de 27 para 25 pontos na classificação de pilotos. Na próxima etapa - o GP do Brasil, no dia 25 -, o espanhol precisa apenas de um terceiro lugar para se sagrar campeão. A corrida, disputada em pista molhada, foi quase perfeita para a McLaren, que fez um jogo de equipe sem erros. O colombiano Juan Pablo Montoya liderou a maior parte das 44 voltas, mas permitiu a ultrapassagem de Raikkonen no segundo pit stop, quando faltavam dez voltas para o final. No entanto, a quatro voltas da bandeira quadriculada, Montoya e o brasileiro Antônio Pizzonia, da Williams, se envolveram em um acidente e os dois saíram da corrida. Com isso, o caminho ficou aberto para Alonso festejar o segundo lugar. O brasileiro Rubens Barrichello, da Ferrari, fez uma boa prova e conseguiu a quarta posição. Felipe Massa, da Sauber, prejudicado por uma troca errada de pneus - de intermediários para pista seca -, ficou apenas na 10.ª colocação.Confira a classificação final do GP da Bélgica:1º Kimi Raikkonen (McLaren) - 1h30m01s295 2º Fernando Alonso (Renault) - a 28s394 3º Jenson Button (BAR) - a 32s077 4º Mark Webber (Williams) - a 1m09s167 5º Rubens Barrichello (Ferrari) - a 1m18s136 6º Jacques Villeneuve (Sauber) - a 1m27s435 7º Ralf Schumacher (Toyota) - a 1m27s574 8º Tiago Monteiro (Jordan) - a 1 volta 9º Christian Klien (Red Bull) - a 1 volta 10º Felipe Massa (Sauber) - a 1 volta 11º Narain Karthikeyan (Jordan) - a 1 volta 12º Christijan Albers (Minardi) - a 2 voltas 13º Robert Doornbos (Minardi) - a 3 voltas

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.