Tony Gentile/Reuters
Tony Gentile/Reuters

Família de Michael Schumacher vai transferi-lo para mansão em Maiorca, na Espanha

Familiares compram grande propriedade na cidade espanhola para manter o heptacampeão mundial de Fórmula 1

Estadão Conteúdo

15 Agosto 2018 | 13h38

A família do ex-piloto Michael Schumacher pretende transferir o alemão de Gland, na Suíça, para a cidade de Andratx, na ilha de Mallorca, na Espanha. Prefeita do município espanhol, Katia Rouarch confirmou a informação de que Corina Schumacher, mulher do heptacampeão mundial de Fórmula 1, vai se mudar com o marido para uma luxuosa casa comprada na região.

"Posso confirmar oficialmente que Michael Schumacher virá morar no nosso município e aqui todos estão preparados para recebê-lo", disse Katia Rouarch à revista suíça L'Illustré, em entrevista publicada nesta quarta-feira.

De acordo com a revista, o lugar é cercado por paredes sólidas e apresenta "numerosas vantagens". Está situado em um pontal - acidente geográfico formado por uma massa de terra que se estende até um oceano, mar ou rio. Um pequeno precipício torna a propriedade "inacessível a olhares indiscretos", disse o relato, ilustrado por fotos da mansão.

De acordo com a revista L'Illustré, o terreno de 15 mil metros quadrados foi comprado por 30 milhões de euros (cerca de R$ 133 milhões) e a residência principal tem 3 mil metros quadrados. A revista também ressalta que cerca de 3,5 mil alemães moram em Andratx. Michael Schumacher costumava tirar férias na ilha de Mallorca, hábito mantido pelo irmão do heptacampeão da Fórmula 1, Ralf, também ex-piloto da categoria.

Aos 49 anos, Michael Schumacher vive situação de saúde delicada desde que sofreu um acidente enquanto esquiava nos Alpes franceses, em dezembro de 2013. As informações sobre possíveis sequelas e danos cerebrais sofridos pelo ex-piloto não são divulgadas por Corina e familiares do alemão.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.