Diego Azubel/EFE
Diego Azubel/EFE

Felipe Nasr lamenta largar em 16º e revela problema com pneus

Brasileiro não consegue superar companheiro nos treinos livres

Estadão Conteúdo

28 Março 2015 | 11h50

Quinto colocado na Austrália, melhor colocação de estreia de um brasileiro na história da Fórmula 1, Felipe Nasr criou grande expectativa a respeito de seu desempenho na temporada. Neste sábado, entretanto, no treino de classificação para o segundo GP do ano, na Malásia, o piloto da Sauber sequer conseguiu avançar para a segunda bateria e vai largar apenas no 16.º lugar.

"Após o treino livre (da manhã), vimos que estávamos tendo dificuldades com os pneus traseiros. No treino de classificação, parecia que tínhamos encontrado uma solução. Mas na minha segunda volta com os pneus médios, a roda traseira travou na curva 4 e eu perdi tempo lá. Não tem sido um fim de semana fácil para mim, mas estou ansioso. Precisamos rever o que aconteceu e aprender para amanhã (domingo)", comentou o brasileiro.

Mesmo saindo de trás, Nasr acredita que pode fazer bonito em Sepang. "Sabemos que nosso carro é competitivo em condições de corrida, por isso estou confiante em ganhar algumas posições", contou. Na Austrália, ele largou em 11.º e passou seis adversários para completar em quinto.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.