Fernando Alonso não 'acredita' que voltou a vencer

A vitória no GP de Cingapura de Fórmula 1, neste domingo, surpreendeu até o piloto espanhol Fernando Alonso, bicampeão mundial, que largou em 15.º, depois de ter problemas com o carro nos treinos classificatórios, no sábado. "Foi um resultado fantástico. O meu primeiro pódio na temporada. Estou muito feliz, embora acredite que vai levar alguns dias até eu acreditar que venci a corrida", declarou o piloto da Renault, após ficar na frente do inglês Lewis Hamilton, líder do campeonato. A surpresa, segundo Alonso, se deveu à sua fraca participação no treino do sábado, que o deixou fora da briga pela pole. "Vencer um GP aqui me parecia ser impossível porque nós perdemos nossa chance ontem (sábado) no treino classificatório. Mas nós fomos bem sucedidos hoje (neste domingo). Foi um resultado impressionante para a equipe", elogiou. Para o espanhol, o bom desempenho na corrida pode ser atribuída à estratégia da Renault e também à sorte. "Escolhemos uma estratégia muita agressiva e tivemos um pouco de sorte. E o carro estava fantástico durante todo o final de semana", afirmou Alonso.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.