Fernando Fernandez/AP
Fernando Fernandez/AP

Ferrari absolve Felipe Massa e lamenta azar em Valência

Piloto brasileiro se envolveu em acidente com Kobayashi e ficou apenas em 16º lugar no GP da Europa, no último domingo

estadão.com.br,

25 de junho de 2012 | 14h49

MARANELLO - Presidente da Ferrari, Luca di Montezemolo lamentou o resultado ruim de Felipe Massa no GP da Europa, disputado no circuito de Valência, mas dessa vez absolveu o seu piloto. Para ele, o brasileiro, que terminou a corrida apenas em 16º lugar, não teve culpa pelo acidente com o japonês Kamui Kobayashi, que o tirou completamente da luta por pontos na corrida de domingo.

Massa chegou a ocupar a sétima posição durante o GP da Europa. "Sinto muito por Felipe, que teve muito azar: ele estava indo muito bem e tenho certeza que ele poderia ter trazido para casa um bom resultado se não tivesse todos os problemas que teve", disse Montezemolo.

Se lamentou as dificuldades enfrentadas por Massa em Valência, Montezemolo fez questão de exaltar o desempenho do espanhol Fernando Alonso, que venceu o GP da Europa, e da Ferrari. "Um piloto excepcional, um carro competitivo e uma equipe perfeita: é do que a nossa vitória foi feita ontem", afirmou.

O dirigente admitiu que se emocionou com o pódio do GP da Europa. Alonso venceu a corrida, enquanto Kimi Raikkonen terminou em segundo lugar, logo à frente de Michael Schumacher. O finlandês e o alemão conquistaram títulos mundiais pela Ferrari. "Eu vi os três campeões da ''minha'' Ferrari se abraçando", comentou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.