Martin Meissner/AP
Martin Meissner/AP

Ferrari dá ordem e Alonso vence em cima de Massa

Equipe italiana ressurge no campeonato e domina o GP da Alemanha, em Hockenheim

TERCIO DAVID - estadão.com.br

25 de julho de 2010 | 10h31

Massa assume a ponta logo na largada, com Alonso em segundo e Vettel em terceiro

Novamente a Ferrari mostrou ser uma péssima ganhadora. Quando finalmente a escuderia italiana voltou a ser competitiva, teve a vitória de Fernando Alonso manchada pela ordem de equipe para o Felipe Massa deixar o espanhol passá-lo, já na parte final do GP da Alemanha deste domingo, em Hockenheim. Correndo em casa, Sebastian Vettel, da Red Bull, teve atuação discreta, mas conseguiu o terceiro lugar no pódio. O brasileiro, que visivelmente perdeu rendimento após a polêmica, ainda foi o segundo.

Veja também:

especial Massa agiu certo ao facilitar a vitória de Alonso?

link Ferrari é multada em US$ 100 mil e vai a julgamento

link Felipe Massa: 'Eu acho que não preciso dizer nada'

blog Tudo sobre os bastidores da Fórmula 1 no blog do Livio Oricchio

tabela Classificação dos Mundais de Pilotos e de Construtores

Na largada, Massa aproveitou bem a disputa entre Vettel e Alonso e assumiu a ponta, trazendo com ele o companheiro de Ferrari, na segunda posição. O alemão da Red Bull acabou caindo para terceiro. Lewis Hamilton também largou bem e subiu do sexto para o quarto lugar, posição que manteve até o final da corrida.

Após a parada para troca de pneus, embora tivesse se mantido à frente do companheiro, Massa voltou com Alonso muito próximo, naquele que se transformou no duelo pela vitória. Mas todo o bom trabalho do brasileiro no final de semana, na disputa interna, acabou dando nada. Na volta 49, veio a ordem implícita da equipe para deixar o espanhol passar. Na passagem seguinte, o brasileiro tirou o pé do acelerador e abriu mão da vitória.

Mundial de Pilotos
1.º - Lewis Hamilton 157 pontos

2.º - Jenson Button 143 pontos

3.º - Mark Webber 136 pontos

4.º - Sebastian Vettel 136 pontos

5.º - Fernando Alonso 123 pontos

6.º - Nico Rosberg 94 pontos

7.º - Robert Kubica 89 pontos

8.º - Felipe Massa 85 pontos

Com o quatro lugar na corrida, Hamilton se manteve na liderança do campeonato, com 157 pontos. O vice-líder Jenson Button, terminou a prova em quinto e foi a 143. O pódio deixou Vettel novamente empatado no campeonato com Mark Webber (6.º), com 134 pontos. O australiano, no número de vitórias, segue em terceiro no Mundial de Pilotos.

Brasileiros. Rubens Barrichello teve uma corrida abaixo da média das últimas e foi apenas 12.º no circuito onde venceu a sua primeira corrida, há 10 anos. O companheiro de Williams, Nico Hulkenberg, foi 13.º. Lucas di Grassi, da Virgin, não completou e Bruno Senna, de volta à HRT, foi o 2.º.

Polêmicas. A Ferrari escreveu neste domingo mais um capitulo no seu livro de vitórias ofuscadas por manipulação de resultados. Em 2002, Rubens Barrichello recebeu ordem para deixar Michael Schumacher vencer o GP da Áustria. Ainda no mesmo ano, a ordem foi inversa, com o brasileiro vencendo o GP dos EUA, são os exemplos mais gritantes.

A Fórmula 1 volta à pista já no próximo final de semana, para o GP da Hungria, no Hungaroring.

Resultado do GP da Alemanha:

1.º - Fernando Alonso (ESP/Ferrari), 1h27min38s864

2.º - Felipe Massa (BRA/Ferrari), a 4s1

3.º - Sebastian Vettel (ALE/Red Bull), a 5s1

4.º - Lewis Hamilton (ING/McLaren), a 26s8

5.º - Jenson Button (ING/McLaren), a 29s4

6.º - Mark Webber (AUS/Red Bull), a 43s6

7.º - Robert Kubica (POL/Renault), a 1 volta

8.º - Nico Rosberg (ALE/Mercedes), a 1 volta

9.º - Michael Schumacher (ALE/Mercedes), a 1 volta

10.º - Vitaly Petrov (RUS/Renault), a 1 volta

11.º - Kamui Kobayashi (JAP/Sauber), a 1 volta

12.º - Rubens Barrichello (BRA/Williams), a 1 volta

13.º - Nico Hulkenberg (ALE/Williams), a 1 volta

14.º - Pedro de la Rosa (ESP/Sauber), a 1 volta

15.º - Jaime Alguersuari (ESP/Toro Rosso), a 1 volta

16.º - Vitantonio Liuzzi (ITA/Force India), a 2 voltas

17.º - Adrian Sutil (ALE/Force India), a 2 voltas

18.º - Timo Glock (ALE/Virgin), a 3 voltas

19.º - Bruno Senna (BRA/Hispania), a 4 volta

Não completaram a prova:

20.º - Heikki Kovalainen (FIN/Lotus)

21.º - Lucas di Grassi (BRA/Virgin)

22.º - Sakon Yamamoto (JAP/Hispania)

23.º - Jarno Trulli (ITA/Lotus),

24.º - Sebastien Buemi (SUI/Toro Rosso)

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.