Ferrari e McLaren utilizarão novos motores no GP da Malásia

Além disso, Williams e Hispania montarão caixas de câmbios novas sem serem penalizadas

EFE

08 de abril de 2011 | 11h51

SEPANG - As escuderias Ferrari e McLaren utilizarão motores novos para o Grande Prêmio da Malásia, segunda prova do campeonato do mundo de Fórmula 1, neste fim de semana. As equipes Toro Rosso e Virgin também mudarão de motores.

 

De acordo com o regulamento do Campeonato do Mundo de Fórmula 1, cada piloto tem à sua disposição oito motores para as 19 corridas da temporada, que pode administrar segundo suas necessidades.

 

Além disso, as escuderias Williams e Hispania montarão caixas de câmbios novas, mas não serão penalizadas, já que os carros de Rubens Barrichello, do venezuelano Pastor Maldonado, e os da Hispania, do italiano Vitantonio Liuzzi, e do indiano Narain Karthikeyan não tinham sido terminados.

 

 

 

Pilotos que usarão novo motor:

Fernando Alonso (ESP) Ferrari.

FELIPE MASSA (BRA) Ferrari.

Lewis Hamilton (ING) McLaren.

Jenson Button (ING) McLaren.

Sebastien Buemi (SUI) Toro Rosso.

Jaime Alguersuari (ESP) Toro Rosso.

Kamui Kobayashi (JAP) Sauber.

Sergio Pérez (MEX) Sauber.

Jerome d'Ambrosio (BEL) Virgin.

 

 

Pilotos que utilizarão uma nova caixa de câmbio:

RUBENS BARRICHELLO (BRA) Williams.

Pastor Maldonado (VEN) Williams.

Vitantonio Liuzzi (ITA) Hispania.

Narain Karthikeyan (IND) Hispania.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.