Ferrari prepara carro revolucionário

Depois do conquistar o bicampeonato no Mundial de Pilotos, com Michael Schumacher, e o tri no de Construtores, domingo no GP da Hungria, a Ferrari prepara o que pode vir a ser um novo golpe em seus adversários: um modelo revolucionário para a temporada 2002. O carro terá motor e a caixa de câmbio fundidos numa liga metálica ultraleve, à base de titânio, e em um único bloco.Rubens Barrichello e Luca Badoer treinaram nesta quarta-feira em Mugello, com o modelo F2001, que conquistou os dois títulos deste ano. É possível que a Ferrari inicie a próxima temporada com uma versão revisada desse carro, enquanto o novo não se mostre mais veloz e resistente.A proibição de testar entre a data do último GP do ano, 14 de outubro no Japão, e o dia 31 de dezembro, fará com que os conceitos avançados que os italianos estão incorporando na nova Ferrari não estejam totalmente desenvolvidos até a abertura do Mundial de 2002. A notícia surgiu na edição desta quarta-feira da ?Gazzetta dello Sport?, jornal do grupo Fiat, a quem pertence também a Ferrari. O objetivo do projetista Rory Byrne na nova Ferrari é aumentar a resistência do conjunto motor-câmbio, como elementos estruturais, além de diminuir sensivelmente o seu peso.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.