FIA libera eletrônica na Fórmula 1

O Conselho Mundial da Federação Internacional de Automobilismo (FIA) aprovou a liberação da eletrônica na Fórmula 1. Em um comunicado oficial divulgado nesta sexta-feira, a entidade libera os sistemas eletrônicos utilizados que estavam proibidos desde 93. Entre os controles liberados estão o controle de tração, o câmbio automático e o diferencial eletro-hidráulico. O controle de tração age de forma a evitar que as rodas girem em falso. O diferencial eletro-hidráulico contribuirá também para melhorar a tração do carro. O câmbio automático entra no lugar do semi-automático de hoje. Ele permitirá que as marchas sejam substituídas sem a interferência do piloto. A liberação só vai valer porém, a partir da quinta etapa do Mundial - o GP da Espanha, marcado para o dia 29 de abril.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.