Force India confirma Fisichella e Sutil para 2009

A escuderia Force India confirmou neste domingo que manterá seus pilotos para a temporada 2009 da Fórmula 1. Desta forma, o italiano Giancarlo Fisichella e o alemão Adrian Sutil permanecem, assim como o italiano Vitantonio Liuzzi, piloto de testes da equipe. Com a confirmação, acabam-se as esperanças do brasileiro Bruno Senna, que acenou com a possibilidade de integrar a Force India no próximo ano.Além de Senna, o nome do espanhol Pedro de La Rosa também vinha sendo comentado como possível integrante da escuderia indiana em 2009. Isso porque a Force India firmou recentemente uma parceria com a McLaren Mercedes para a próxima temporada, em que terá o apoio técnico da equipe inglesa, além de utilizar chassi e motores semelhantes. Como De La Rosa é piloto de testes da McLaren, especulava-se que ele poderia trocar de escuderia. Após anunciar oficialmente a permanência dos pilotos, o empresário indiano Vijay Mallya, dono da Force India, fez questão de esclarecer que a decisão não teve influência da nova parceira. "A escolha foi inteiramente nossa, baseada no talento à disposição no mercado", disse Mallya. "Eu acredito firmemente que o próximo ano será uma grande oportunidade para esse time", completou, lembrando que em 2008 a equipe não conseguiu somar pontos, e espera-se um ano melhor pela frente. Com a manutenção de Fisichella e Sutil, a Force India mantém um piloto experiente e uma jovem aposta. O italiano tem 35 anos, enquanto o alemão completará 26 anos em janeiro do ano que vem, e disputará sua terceira temporada na Fórmula 1. "Com Giancarlo, Adrian e Tonio nós temos um ótimo equilíbrio entre experiência e ambição", defendeu Mallya.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.