divulgação/ Twitter
divulgação/ Twitter

Fórmula 1: Ferrari apresenta carro para disputa da temporada 2019

Modelo SF90 será guiado pela dupla Sebastian Vettel e Charles Leclerc

Redação, Estadao Conteudo

15 de fevereiro de 2019 | 10h10

A Ferrari apresentou o seu novo carro para a próxima temporada da Fórmula 1, nesta sexta-feira, com o qual espera poder finalmente encerrar a sua seca de títulos. O bólido foi nomeado como SF90 para comemorar o 90º aniversário da fabricante italiana, celebrado em 2019.

O chefe da equipe, Mattia Binotto, e os pilotos Sebastian Vettel e Charles Leclerc estavam no palco para a apresentação do carro, assim como o presidente da Ferrari, John Elkann, e o CEO Louis Camilleri.

"O carro incorpora a mais recente tecnologia de ponta, reflete os novos regulamentos para a próxima temporada e é o fruto da combinação de enorme trabalho e talento de todos na escuderia", disse Camilleri.

A nova pintura fosca irradia o vermelho clássico da Ferrari, com toques de preto e quase nenhum branco. "Estou muito animado e mal posso esperar para entrar (no carro)", disse o alemão Vettel. "Eu estou muito ansioso para este ano. Eu acho que a equipe está no caminho certo e esperamos que possamos continuar melhorando."

Vettel venceu as duas primeiras corridas da temporada 2018 e conquistou a pole position em três dos quatro GPs iniciais, mas o desempenho da Ferrari caiu com o passar do ano, permitindo que a Mercedes conquistasse o quinto título consecutivo do Mundial de Pilotos com o britânico Lewis Hamilton.

A Ferrari não ganhou um título desde que conquistou o campeonato de construtores de 2008, enquanto o finlandês Kimi Raikkonen foi o último piloto a levar um título pela equipe, em 2007.

"A última temporada foi a nossa melhor nos últimos dez anos, mas ainda assim ficou aquém dos nossos objetivos", disse Camilleri. "Tal revés nunca é fácil de engolir, mas eu garanto que olhamos para frente com forte compromisso e determinação".

Esta será a quinta temporada de Vettel pela Ferrari, mas a primeira de Leclerc, o substituto de Raikkonen. "Estou extremamente animado para começar esta nova aventura", disse o monegasco. "É um sonho desde que eu era criança. É um dia muito emocionante para mim".

Binotto também é um "novato", tendo sido promovido do cargo de diretor técnico para substituir Maurizio Arrivabene na função de chefe.

A temporada 2019 da Fórmula 1 começa em 17 de março, com o GP da Austrália, em Melbourne. Na próxima segunda-feira, serão iniciados os testes coletivos, no circuito de Barcelona.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.