Gil de Ferran vai trabalhar na BAR

O ex-piloto brasileiro Gil de Ferran, de 37 anos, foi contratado para o cargo de diretor-esportivo da BAR-Honda, equipe que disputa o Mundial de Fórmula 1. Dono de dois títulos da Champ Car (2000 e 2001) e campeão das 500 milhas de Indianápolis (2003), ele será assistente do diretor-técnico da escuderia, Geoff Willis, e do diretor-executivo, Nick Fry.A BAR chegou em segundo lugar na classificação geral do Mundial de Construtores do ano passado, atrás apenas da Ferrari. Mas começou mal em 2005, sem ter marcado um ponto sequer nas três etapas disputadas até agora."Estou animadíssimo. Eu sempre quis exercer essa função, é a evolução natural da minha carreira de 20 anos no automobilismo", disse Gil, de Fort Lauderdale, na Flórida (EUA), onde reside atualmente. "Tenho consciência de que a curto prazo a possibilidade de meu trabalho gerar resultados para a BAR é reduzida", admitiu, mas sem perder o otimismo. "O grupo que está lá é o mesmo que foi vice-campeão do mundo ano passado, portanto potencial existe."A estréia de Gil com o uniforme da BAR será na próxima etapa do campeonato de Fórmula 1, o GP de San Marino, em Ímola, no dia 24 de abril. "Estou sentindo um friozinho na barriga, mas sinto-me completamente confiante em ser bem útil ao time", afirmou o ex-piloto, que vai mudar com a família para a Inglaterra, sede da equipe.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.