Gisele Bündchen vai ao GP Brasil

O diretor de prova do GP do Brasil de Fórmula 1, Carlos Montagner, já tem a solução para o final da corrida do próximo domingo, em Interlagos. "O ideal é darmos a bandeirada juntos, eu e a Gisele Bündchen, e mais ninguém", explicou ele na noite desta quarta-feira, empolgado com a oportunidade.A modelo brasileira foi convidada oficialmente pela organização do GP Brasil e deverá desembarcar em Cumbica no domingo de manhã, procedente de Los Angeles. Antes da corrida, ela decidirá com a direção de prova e Bernie Ecclestone, o promotor da F1, se dará a bandeirada. "Faltam alguns detalhes", explicou Monica Monteiro, empresária de Gisele.Em 2002, Pelé foi convidado para dar a bandeirada final no GP Brasil de Fórmula 1, mas perdeu os dois primeiros colocados."Seria ótimo para todos se a Gisele desse a bandeirada. Vou explicar o procedimento correto e acho que não haverá problemas", disse Montagner. "Espero que o vencedor não perca a trajetória ao vê-la com a bandeira."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.