Globo coloca 33 câmeras em Interlagos

A Rede Globo, tevê oficial do GP Brasil de Fórmula 1 promete que este ano o telespectador se sentirá dentro do circuito de Interlagos. Com 33 câmeras, duas microcâmeras e mais imagens de dentro dos carros dos pilotos, promete-se uma transmissão mais atraente do que nos anos anteriores. O telespectador acompanhará a terceira corrida da temporada da Fórmula 1, com largada às 14 horas, por ângulos nunca antes vistos. Além das 33 câmeras da tevê - que incluem as da tevê internacional e da Globo - foram instaladas duas microcâmeras que mostrarão os carros o mais perto possível. Elas foram instaladas em uma das curvas do S do Senna e na subida da junção. "Este ano poderão ser vistos ângulos que antes não haviam sido explorados. Tivemos trabalho para instalar algumas câmeras no alto, principalmente na reta oposta, em que além dos carros, dará para se ver a torcida do setor G", conta Fábio Caetano gerente de operações de eventos esportivos da Rede Globo. As novidades não se limitam às imagens da pista. "As imagens dos pilotos, até o ano passado, funcionavam da seguinte maneira: havia uma câmera no carro de um estrangeiro, e uma no carro de um brasileiro - o Barrichello, no caso. Este ano, a FOM (Formula 1 Management) fez umas mudanças e agora existem câmeras em quase todos os carros, em mais de um ângulo", explica Caetano. A Globo vai mostrar o Autódromo de Interlagos de vários ângulos para quem estiver assistindo ao GP não se ´cansar´. "Mostramos o circuito de uma maneira durante umas cinco ou seis voltas, para habituar o telespctador, e depois trocamos o ângulo das câmeras, para ele poder conhecer o autódromo por lados diferentes", diz Fernando Guimarães, diretor de operação da Rede Globo. A transmissão da Globo começa às 8 horas, com flashes na programação. A partir das 9h30, no Esporte Espetacular, os repórteres já começam a acompanhar o aquecimento para a transmissão da corrida da Fórmula Renault, às 10 horas. Além disso, os internautas poderão participar das enquetes sobre a Fórmula 1. A narração será de Galvão Bueno, eu faz questão de ressaltar: "Será meu 22º GP Brasil consecutivo como narrador. De 1983 a 89 no Rio de Janeiro, e desde então em São Paulo." A Globo ainda terá em seu camarote, situado na reta oposta, alguns atletas convidados, como os jogadores de futebol Diego e Robinho, do Santos, e Kaká, do São Paulo. Além de Adriana Behar e Shelda, do vôlei de praia; o nadador Gustavo Borges, o skatista Bob Burniquist, a patinadora Fabíola Silva, a jogadora de basquete Janeth, o ex-atleta Robson Caetano, e a saltadora Maurren Maggi, namorada do piloto Antônio Pizzonia, da Jaguar.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.