Sergio Castro/Estadão
Sergio Castro/Estadão

GP do Brasil de F-1 terá pneus médios, macios e supermacios

Corrida deste ano em Interlagos será disputada em 11 de novembro, com treinos livres no dia 9 e a classificação marcada para o dia 10

Estadão Conteúdo

26 de julho de 2018 | 16h22

A Pirelli anunciou nesta quinta-feira os tipos de pneus que estarão à disposição das equipes e dos pilotos no GP do Brasil de Fórmula 1, em novembro. Para a corrida deste ano, no Autódromo de Interlagos, a fornecedora de pneus listou os compostos médios, macios e supermacios.

+ Confira o calendário da Fórmula 1

Trata-se da mesma escolha do ano passado, quando a Pirelli tomou decisão menos conservadora e optara por pneus mais leves. Em 2016, as opções foram mais duras, com macios, médios e duros.

A corrida deste ano no Brasil será disputada no dia 11 de novembro, com treinos livres no dia 9 e a classificação marcada para o dia 10, em São Paulo.

Seguindo as regras da competição, cada piloto deve guardar um jogo dos pneus mais macios à disposição no fim de semana para o Q3, a terceira e última sessão do treino classificatório. Aqueles que estiverem entre os dez primeiros terão que devolver este jogo. E os demais poderão usá-los para a corrida, no dia seguinte.

 

 

Mais conteúdo sobre:
Fórmula 1Pirelliautomobilismo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.