Divulgação
Divulgação

Grande Prêmio da América é adiado e Fórmula 1 terá 19 provas em 2013

Problemas de licenciamento do circuito impediram a confirmação da nova pista de New Jersey

AE-AP, Agência Estado

19 Outubro 2012 | 09h41

PARIS - Única prova sem confirmação do calendário da Fórmula 1 para a próxima temporada, o GP da América, em New Jersey, nos Estados Unidos, não será realizado em 2013 e foi adiado para 2014, anunciou nesta sexta-feira, 19, Bernie Ecclestone. "O evento não vai acontecer", disse o chefão da modalidade.

O GP da América estava agendado para o dia 16 de junho no calendário definido pela Federação Internacional de Automobilismo, mas sempre esteve sujeito a confirmação. "Tudo está sendo criado, mas agora é tarde demais para terminar em tempo", disse Ecclestone.

A corrida aconteceria em um cenário espetacular, ao longo do Rio Hudson, pelas cidades de Weehawken e West New York. Antes mesmo da confirmação de Ecclestone, o prefeito de Weehawken, Richard Turner, disse ao Jersey Journal que a corrida não aconteceria no próximo ano.

O problema, de acordo com informações do jornal, seria que a prefeitura ainda estaria atrás da obtenção de alvarás para a realização da prova, além da necessidade de realizar reparos nas estradas. Ecclestone explicou também que a falta de recursos financeiros pesou para o adiamento da prova.

"A razão é porque não sabiam bem o que estavam fazendo", disse Ecclestone. "Eles tem todas as permissões em conjunto. Tudo foi feito, estava tudo bem, mas depois eles perderam algum financiamento", disse.

Ecclestone descartou a possibilidade do GP da Turquia retornar para o calendário da Fórmula 1 em 2013 para que fossem realizadas 20 provas na próxima temporada. "Não, não, não. Vão ser 19 corridas", disse.

Mais conteúdo sobre:
Fórmula 1GP da América

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.