Grosjean admite surpresa com segundo lugar na Hungria

O francês Romain Grosjean admitiu neste sábado que ficou surpreso com o seu resultado no treino de classificação do GP da Hungria. O piloto da Lotus foi mais lento apenas do que o inglês Lewis Hamilton e nunca tinha largado na primeira fila na sua carreira. Satisfeito com a segunda posição, ele lembrou que ficou apenas em 18º lugar no GP da Alemanha, no último fim de semana, e também não se saiu bem nos treinos livres de sexta-feira.

AE, Agência Estado

28 de julho de 2012 | 13h42

"A classificação foi muito apertada e era difícil ver onde iríamos acabar, então primeira fila é fantástico. Nós viemos aqui depois de um fim de semana difícil em Hockenheim, e para ser honesto eu não tive o melhor começo ontem", comentou Grosjean, que só não conseguiu superar no treino o inglês Lewis Hamilton, que tem dominado o fim de semana do GP da Hungria.

Empolgado com o desempenho da sua Lotus no treino de classificação, Grosjean se concentra agora em obter um bom resultado no GP da Hungria. "Nós trabalhamos duro para melhorar as coisas durante a noite e senti o carro muito melhor no treino esta manhã. Eu estou muito feliz e um pouco surpreso por ser o segundo no grid. O trabalho hoje está feito, vamos ver o que podemos fazer amanhã", disse.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.