Haas anuncia contratação de Esteban Gutiérrez para temporada 2016 da Fórmula 1

A equipe Haas anunciou neste sábado, na Cidade do México, a contratação de Esteban Gutiérrez para compor dupla com o francês Romain Grosjean em 2016, temporada de estreia da equipe na Fórmula 1. O mexicano deixa a Ferrari após um ano como piloto reserva.

Estadão Conteúdo

31 de outubro de 2015 | 19h17

"Essa é uma excelente oportunidade que apareceu graças à minha experiência com a Ferrari e eu vou tirar o máximo disso", comentou Gutiérrez. "Gene Haas (dono da equipe) acredita em mim e eu acredito na maneira como ele vai competir na Fórmula 1".

De acordo com o mexicano, a parceria da Haas com a fabricante italiana - responsável pelas unidades de força da equipe - deve render ótimos frutos. "Estar em um carro competitivo, com motor Ferrari, é muito especial. Eu agradeço a fé que Haas tem em mim. Acredito que estamos aptos a muitas conquistas juntos", acrescentou.

Do outro lado, o presidente da equipe explicou que o jovem mostrou talento como piloto reserva da escuderia italiana. "Conheci o Esteban graças ao nosso relacionamento com a Ferrari. Depois de ver o sucesso que ele teve no seu papel lá, ficou claro que ele é uma excelente escolha para nosso time", comentou Gene Haas.

"Ele é jovem e ambicioso, mas não é inexperiente. Ele já correu duas temporadas inteiras, então tem muita experiência de corrida, além de ter participado como terceiro piloto da Ferrari, podendo ver em primeira mão a tecnologia que faz da Ferrari uma força tão importante na F1", avaliou o mandatário.

Esteban Gutiérrez, de 24 anos, estreou na categoria com a Sauber em 2013, com um sétimo lugar no GP do Japão daquele ano como seu melhor resultado. Após um ano sem pontuar, ele se transferiu para a Ferrari. Após a Haas anunciar seu segundo piloto, a Marussia é a única equipe incompleta para a temporada de 2016.

Tudo o que sabemos sobre:
Fórmula 1HaasEsteban Gutiérrez

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.