Site oficial da Haas
Site oficial da Haas

Haas apresenta carro com pintura predominantemente cinza para temporada 2017

Modelo VF-17 entrará na pista nesta segunda-feira, nos testes em Barcelona

Estadao Conteudo

26 Fevereiro 2017 | 15h02

Na véspera do início dos testes coletivos da pré-temporada da Fórmula 1, a Haas apresentou o carro que vai utilizar no segundo ano na categoria máxima do automobilismo mundial. Os detalhes do VF-17, que traz com uma das grandes novidades o predomínio do cinza na pintura, foram revelados, neste domingo, através do site oficial da equipe norte-americana e das suas redes sociais.

O carro será visto pela primeira vez na pista nesta segunda-feira, com o início dos testes em Barcelona. E apesar do domínio do cinza, a Haas manteve as cores originais da sua temporada de estreia na Fórmula 1, com tons de vermelho, branco e preto, além do cinza.

A Haas continuará utilizando motores fornecidos pela Ferrari. Assim, como outras equipes, ao time norte-americano também apostou na instalação de uma espécie de "barbatana de tubarão" na parte de trás do carro, como solução para as alterações no tamanho da asa traseira. Já o bico do VF-17 é mais baixo e alongado. E o bólido também chama a atenção por contar com aletas aerodinâmicas.

A Fórmula 1 terá um novo regulamento técnico em 2017, com a intenção de trazer mais emoção ao campeonato, com os carros passando a ser mais largos, além da expectativa de que se tornem mais rápidos do que na última temporada.

"Esteticamente, o carro tem um olhar mais agressivo. É mais leve e mais aerodinamicamente eficiente", disse Guenther Steiner, diretor da equipe. "Tudo o que aprendemos com nosso primeiro carro foi aplicado ao nosso novo carro", acrescentou o dirigente.

"Acho que a caixa de pedais é a mesma, mas todo o resto é muito diferente do carro do ano passado", continuou Steiner. "Você sempre tenta fazer um carro mais rápido, que normalmente é um carro mais leve. Agora podemos colocar mais lastro e contar com uma melhor distribuição de peso. A aerodinâmica é completamente nova, como são os pneus, por isso precisávamos ter alguma ajustabilidade para desenvolvê-lo".

A Hass teve uma temporada de estreia consistente na Fórmula 1, marcando 29 pontos para terminar em oitavo lugar no Mundial de Construtores, ficando à frente de equipes consolidadas no grid, como a Sauber. A equipe norte-americana manteve o francês Romain Grosjean na sua relação de pilotos titulares, enquanto o dinamarquês Kevin Magnussen, que estava na Renault, vai substituir o mexicano Esteban Gutiérrez.

O primeiro período de testes da Fórmula 1 irá até a próxima quinta-feira. Depois, as equipes voltarão a treinar no circuito de Barcelona entre os dias 7 e 10 de março. A temporada 2017 começará com a realização do GP da Austrália, em 26 de março.

Mais conteúdo sobre:
Haas Fórmula 1

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.