Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Hakkinen abandona ostracismo e abre polêmica

Mika Hakkinen deixou a Fórmula 1 em 2001 e, desde então, andou sumido. Como não tem carisma, ficou praticamente esquecido. Esta semana, porém, ele reapareceu e nem de longe lembrou o piloto que passou a carreira evitando polêmica. Em entrevista à revista F1 Racing, o finlandês deixou a frieza de lado e desceu a lenha nos jovens e baladados pilotos da categoria. Bateu forte em Fernando Alonso, Jenson Button e Felipe Massa, entre outros. Só poupou Kimi Raikkonen, coincidentemente finlandês como ele.O bicampeão da F-1 em 1998 e 1999, não vê nada demais no espanhol Alonso, considerado a revelação da temporada passada. "Ainda não vi nada que justifique o nível de talento que estão dando a ele. Ele é rápido, mas é tão rápido quanto o Kimi? Não estou convencido??, detonou Hakkinen ao analisar o piloto da Renault. Ao falar sobre o inglês Jenson Button, da BAR, mais críticas - ao piloto e à imprensa."Ele pode não ser tão rápido, mas as pessoas dizem que é. Entrou na F-1 pela Williams e a imprensa britânica começou a chamá-lo de ?o próximo Senna?. Rídículo.?? O finlandês definiu o brasileiro Felipe Massa como "rápido, mas selvagem??, acha que Ralf Schumacher é inconsistente para alguém que já disputou mais de 100 GPs e que o alemão deveria "trabalhar um pouco mais e reclamar menos??. Para Juan Pablo Montoya, um conselho: "Ele precisa ser mais cuidadoso.?? Hakkinen também aposta em Kimi Raikkonen numa briga com Michael Schumacher pelo título deste ano. "Acho que o Michael, provavelmente, não será campeão em 2004. Os pilotos da McLaren ou da Williams podem conseguir isso, pois são velozes e experientes. Mas apenas um deles tem consistência: Kimi Raikkonen.??

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.