Rickey Rogers/Reuters
Rickey Rogers/Reuters

Hamilton celebra evolução da McLaren nos Construtores

Pódio do inglês em Interlagos leva equipe inglesa para a terceira colocação, superando a Ferrari

AE, Agencia Estado

18 de outubro de 2009 | 16h41

SÃO PAULO - Com a terceira posição de Lewis Hamilton no GP do Brasil de Fórmula 1, neste domingo, a McLaren ultrapassou a rival Ferrari no Mundial de Construtores e assumiu a terceira colocação na competição entre equipes. O piloto inglês salientou a importância do resultado para a escuderia.

Veja também:

link Jenson Button supera Rubinho e conquista título da Fórmula 1

F-1 2009 - tabela Classificação | especialCalendário

especialESPECIAL - A carreira do campeão Jenson Button

especialESPECIAL - Jogue o Desafio dos Pilotos

blog BLOG DO LIVIO - Leia mais sobre a F-1

blog SPF1 - Leia mais no blog do GP do Brasil

"O objetivo era conseguir pontos para terminar bem essa briga paralela dos construtores", afirmou Hamilton, que apesar do resultado reclamou das dificuldades encontradas no fim de semana. "Foi um dia difícil, um fim de semana muito difícil", completou.

Depois de largar apenas na 17.ª colocação, Hamilton afirmou que o bom resultado pode ser considerado uma surpresa, apesar dos méritos da escuderia ao elaborar a estratégia de corrida.

"Foi uma surpresa. Imaginávamos que conseguiríamos esses pontos, mas acho que a equipe teve uma boa estratégia. O carro respondeu muito bem. Terminar em terceiro depois da maneira como largamos foi excelente", avaliou Hamilton, quinto na classificação geral com 49 pontos.

Tudo o que sabemos sobre:
Fórmula 1GP do BrasilHamilton

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.