Hamilton e as McLarens, os mais rápidos dos treinos na Hungria

Inglês é o mais rápido do dia, com Kovalainen atrás; brasileiros testam novos componentes e são mais lentos

24 de julho de 2009 | 10h35

Dominic Ebenbichler/Reuters

Lewis Hamilton contorna curva do trecho interno do circuito de Hungaroring, no treino com forte calor

BUDAPESTE - A McLaren conseguiu nesta sexta os melhores tempos dos treinos livres da Fórmula 1 para o GP da Hungria. O campeão mundial Lewis Hamilton foi o mais rápido do dia, com 1min22s079, à frente do companheiro de equipe, o finlandês Heikki Kovalainen, que teve a melhor marca da primeira sessão.

Veja também:

linkESTADO - Hamilton: 'É difícil correr atrás'

linkKovalainen lidera 1.ª sessão de treinos livres

tabela F-1: classificação do Mundial

especial Confira o calendário da temporada

especial ESPECIAL: jogue o Desafio dos Pilotos

Estes tempos, porém, não devem servir como referência para a sessão classificatória deste sábado (às 9 horas, com Globo), porque os favoritos ficaram distantes de boas marcas. Nico Rosberg (Williams), foi o terceiro, e aí aparece uma Red Bull, com o australiano Mark Webber, em quarto lugar. Seu companheiro, o alemão Sebastian Vettel, foi o sexto.

Outro favorito que ficou para trás é o líder do Mundial, o inglês Jenson Button, da Brawn GP, que fez só o 13.º tempo (1min22s806). Conforme esperado, o treino foi disputado com calor (28ºC ambiente e 44ºC na pista, no final) e todos sofreram com a pouca aderência da pista, que não é muito utilizada ao longo do ano.

Os brasileiros, assim como na sessão inicial, ficaram para trás. O melhor foi Rubens Barrichello (Brawn), com a sétima posição (1min22s641), com Nelsinho Piquet (Renault) em 15.º (1min22s927) e Felipe Massa (Ferrari) em 18.º e antepenúltimo lugar (1min23s156). Os três estavam testando componentes novos em seus carros, para o campeonato.

Jaime Alguersuari (Toro Rosso), o estreante do final de semana, aproveitou as três horas de treinos para andar 359,82 km, em 82 voltas (42 mais 40 voltas), somadas as duas sessões. Seu melhor tempo foi nesta segunda sessão, mas quase dois segundos distante da melhor marca.

 FÓRMULA 1 2009 - GP DA HUNGRIA

 TREINOS LIVRES - SEGUNDA SESSÃO (melhores tempos)

1.º - Lewis Hamilton (ING/McLaren), 1min22s079 (36 voltas)

2.º - Heikki Kovalainen (FIN/McLaren), 1min22s126 (36)

3.º - Nico Rosberg (ALE/Williams), 1min22s154 (47)

4.º - Mark Webber (AUS/Red Bull), 1min22s369 (29)

5.º - Kazuki Nakajima (JAP/Williams), 1min22s426 (40)

6.º - Sebastian Vettel (ALE/Red Bull), 1min22s550 (30)

7.º - Rubens Barrichello (BRA/Brawn GP), 1min22s641 (38)

8.º - Jarno Trulli (ITA/Toyota), 1min22s663 (28)

9.º - Nick Heidfeld (ALE/BMW), 1min22s690 (43)

10.º - Timo Glock (ALE/Toyota), 1min22s751 (45)

11.º - Kimi Raikkonen (FIN/Ferrari), 1min22s763 (38)

12.º - Fernando Alonso (ESP/Renault), 1min22s793 (37)

13.º - Jenson Button (ING/Brawn GP), 1min22s806 (42)

14.º - Robert Kubica (POL/BMW), 1min22s870 (36)

15.º - Nelsinho Piquet (BRA/Renault), 1min22s927 (36)

16.º - Adrian Sutil (ALE/Force India), 1min22s978 (28)

17.º - Giancarlo Fisichella (ITA/Force India), 1min23s029 (39)

18.º - Felipe Massa (BRA/Ferrari), 1min23s156 (32)

19.º - Sebastien Buemi (SUI/Toro Rosso), 1min23s176 (45)

20.º - Jaime Alguersuari (ESP/Toro Rosso), 1min23s942 (40)

Atualizado às 12h10 para acréscimo de informações

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.