Laszlo Balogh/ Reuters
Laszlo Balogh/ Reuters

Hamilton espera ampliar vantagem em 'pista especial'

Com quatro vitórias seguidas, o inglês pretende aumentar sua vantagem de liderança e já anseia pelo próximo final de semana

Estadão Conteúdo

27 de outubro de 2014 | 13h13

Embalado pela quarta vitória consecutiva na temporada 2014 da Fórmula 1, assegurada com o triunfo no estreante GP da Rússia, o inglês Lewis Hamilton chega ao GP dos Estados Unidos com a intenção de ampliar a sua vantagem na liderança do Mundial de Pilotos para o alemão Nico Rosberg, atualmente em 17 pontos. Por isso, espera conquistar mais um triunfo no próximo fim de semana.

"Eu realmente gosto de ir lá e eu estou ansioso para mais uma grande corrida - espero que acabe com outro chapéu Stetson no degrau mais alto do pódio", disse Hamilton, que venceu o GP dos Estados Unidos em 2012, na volta da prova ao calendário da Fórmula 1.

Além de tentar repetir esse triunfo, Hamilton destacou que a corrida também será especial pela ele em razão da presença de vários familiares em Austin. "Uma grande parte do lado americano da minha família virá para a corrida, que eu venci em 2012, por isso é uma pista especial para mim", afirmou.

O GP dos Estados Unidos será o primeiro a ser realizado após a Mercedes assegurar o título do Mundial de Construtores com a "dobradinha" de Hamilton e Rosberg na Rússia. E o inglês voltou a destacar o orgulho pela conquista antecipada da sua equipe.

"Quando eu fui para as fábricas em Brackley e Brixworth na semana seguinte, o ambiente era simplesmente fantástico. Todo mundo trabalhou tão duro para conseguir esse título e todos eles merecem saborear o momento", comentou, antes de participar do que classificou como "um dos melhores fim de semana" do calendário da Fórmula 1.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.