Hamilton espera corrida limpa e não teme acidentes

Embora esteja decidindo o título mundial "fora de casa", diante do brasileiro Felipe Massa, o inglês Lewis Hamilton diz que não tem medo de nenhuma ação deliberada para ajudar o piloto da Ferrari, como um acidente, já que acredita na Fórmula 1 como um esporte "limpo" e "justo"."Estamos aqui para correr e eu acredito que cada piloto é um grande esportista, por isso tenho de confiar que todos eles esperam uma corrida justa. O automobilismo é feito disso, é por isso que eu corro e é isso que torna este esporte tão interessante", afirmou sobre o GP do Brasil, que será disputado neste domingo, em Interlagos.Na semana passada, Hamilton recebeu um "conselho" de Eddie Jordan, antigo proprietário da Jordan - sucedida pela Force India -, de que teria de tomar cuidado para evitar acidentes deliberados. No Brasil, diversos torcedores têm pedido aos pilotos, inclusive a Rubens Barrichello, que tirem Hamilton da pista. "Não leio muito o que as pessoas dizem, não presto muito atenção nisso", desconversou o piloto da McLaren.Hamilton lidera o Mundial com 94 pontos, contra 87 pontos de Massa. Assim, será campeão com um quinto lugar, independentemente do resultado que o brasileiro conquistar.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.