Francisco Seco/AP
Francisco Seco/AP

Hamilton faz melhor volta e lidera dia de testes da Fórmula 1

Atual campeão, piloto da Mercedes encerra primeira fase de testes; pilotos voltam à pista na próxima terça-feira

Estadão Conteúdo

01 Março 2018 | 15h42

O clima enfim ajudou os pilotos e as equipes nos testes coletivos da pré-temporada da Fórmula 1. Após três dias atrapalhados por chuva e neve, a quinta-feira no Circuito da Catalunha, nas proximidades de Barcelona, se aproximaram da condição ideal. E, nesse cenário, o inglês Lewis Hamilton foi quem fez o melhor tempo do dia e também da semana.

+ Após neve e chuva, Alonso é o único a marcar tempo no 3º dia de testes da F-1

+ Kubica exibe incômodo por ser reserva na Williams: 'Muito mais a perder'

+ Sob frio e neve, Vettel lidera segundo dia de testes em Barcelona

O finlandês Valtteri Bottas começou o dia pilotando o carro da Mercedes. Mas com pouco tempo de pista nas atividades anteriores, Hamilton assumiu o cockpit no período da tarde (horário local) e fechou a sessão em primeiro lugar com a marca de 1min19s333, registrada com o uso de pneus médios, na melhor das suas 69 voltas.

O dia até se iniciou com a pista molhada, mas começou a secar na hora do almoço, permitindo que o belga Stoffel Vandoorne fizesse a segunda melhor marca do dia, a 0s5 de Hamilton, com 1min19s854. As temperaturas chegaram até os 15ºC, algo relevante em comparação aos dias anteriores.

Vandoorne foi um dos três pilotos a registrar mais de cem voltas nesta quinta-feira, em Barcelona. Foram 110, dez a menos do que o alemão Sebastian Vettel, da Ferrari, que fechou o dia em terceiro lugar, com 1min20s241. O recorde de permanência na pista foi do francês Pierre Gasly, da Toro Rosso, que deu 147 voltas e foi o décimo colocado.

O dinamarquês Kevin Magnussen, da Haas, fechou o dia na quarta colocação, com o espanhol Fernando Alonso, da McLaren, em quinto lugar, à frente do compatriota Carlos Sainz, da Renault. Eles foram seguidos, em ordem, pelo canadense Lance Stroll, da Williams, pelo mexicano Sergio Perez, da Force India, e pelo holandês Max Verstappen, que deu apenas 35 voltas pela Red Bull e ficou na nona posição.

O alemão Nico Hulkenberg, da Renault, foi o 11º mais rápido, seguido por Bottas, o monegasco Charles Leclerc e o sueco Marcus Ericsson, ambos da Sauber, e do russo Sergey Sirotkin, da Williams, último colocado e único piloto a não registrar voltas com pneus slick nesta quinta-feira.

Assim, com Hamilton na frente, se encerrou o primeiro período de quatro dias de testes da pré-temporada da Fórmula 1. Os quatro dias finais começarão em Barcelona na próxima terça-feira. A temporada 2018 será aberta com o GP da Austrália, no circuito de Melbourne, em 25 de março.

Mais conteúdo sobre:
Fórmula 1 Lewis Hamilton

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.