Valdrin Xhemaj/EFE
Valdrin Xhemaj/EFE

Hamilton ironiza reclamação de Alonso após corrida

Para ele, o piloto da Ferrari estava decepcionado pelo resultado ruim e precisava descarregar a sua frustração

AE, Agência Estado

29 de junho de 2010 | 08h51

O inglês Lewis Hamilton resolveu responder ao espanhol Fernando Alonso, que acusou os comissários de pista do GP da Europa de favorecerem o piloto da McLaren no GP da Europa por conta da demora para puni-lo na prova de domingo por ter ultrapassado o safety car. Para ele, o piloto da Ferrari estava decepcionado pelo resultado ruim e precisava descarregar a sua frustração em alguém.

Veja também:

link Após 'corrida horrível', Massa também critica Hamilton

link Chefe da McLaren critica Alonso

link Confira como foi a vitória de Vettel em Valencia

"Eu mesmo vi ele sendo ultrapassado por um Sauber [Kamui Kobayashi] no telão. É muito diferente ser ultrapassado por um Sauber, assim ele deveria estar completamente em outro mundo. Mas eu não entendo por que afetou tanto sua corrida. Toda pessoa tem direito à sua opinião, e ele deve estar decepcionado com seu próprio resultado, mas eu não fiz nada para ele", afirmou o inglês, sobre o espanhol, que ficou fora da zona de pontuação em Valência.

Hamilton, que foi punido com um "drive through", mas terminou o GP da Europa em segundo lugar, avaliou que a Federação Internacional de Automobilismo (FIA) e os comissários de pista tem feito um bom trabalho nesta temporada. "A FIA está fazendo um trabalho incrível, porque eles estão nos têm permitindo correr neste ano", disse.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.