Hamilton promete não mudar postura no GP do Brasil

Líder da temporada da Fórmula 1 com sete pontos de vantagem sobre Felipe Massa, o inglês Lewis Hamilton promete que não mudará sua postura para o GP do Brasil, última prova do Mundial. Apesar de poder ser campeão com um quinto lugar, ele diz que tentará se impor no circuito de Interlagos."Obviamente meus objetivos no Brasil são diferentes, porque não preciso da vitória. Mas isso não vai impedir que eu me prepare para o fim de semana buscando ser o mais competitivo possível", disse o inglês, que recorreu ao GP da China para justificar sua opinião."Xangai é um bom exemplo: chegamos na pista na sexta-feira e andamos tão bem que ninguém nos acompanhou. Nosso objetivo não era andar tão rápido, mas vimos que estávamos com um carro melhor e ficamos na frete com facilidade. É o que espero fazer no Brasil - um fim de semana sem problemas, que me permita focar no meu carro e na pilotagem", explicou Hamilton.Com 94 pontos contra 87 de Massa, o piloto da McLaren só perderá o título caso o brasileiro consiga marcar sete pontos a mais na etapa de Interlagos, no dia 2 de novembro. Basta a Hamilton ficar entre os cinco primeiros, caso Massa vença, ou na sétima colocação, se o rival terminar em segundo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.