Marvan Naamani/AFP
Marvan Naamani/AFP

Hamilton se diz feliz com pole, mas vê Ferrari forte

Piloto inglês prevê corrida emocionante com Sebastian Vettel

Estadão Conteúdo

18 de abril de 2015 | 19h17

Pole de uma corrida pela quarta vez consecutiva neste início de temporada da Fórmula 1, Lewis Hamilton não escondeu a sua empolgação com o fato de que voltará a largar da primeira posição do grid, neste domingo, em Sakhir, no GP do Bahrein. O piloto inglês ressaltou que ficou "muito feliz" com o posto e chegou a se referir ao seu carro com uma "fera" preparada pela Mercedes.

"Chegando aqui, a meta era tentar dominar a pista e foi assim que o fim de semana correu. As voltas foram bem boas. Sempre dá para melhorar, mas sou muito grato por ter esta fera embaixo de mim. É uma ótima sensação", ressaltou Hamilton.

O líder do Mundial e atual campeão da F-1, porém, evitou exibir muita euforia ao lembrar que a Ferrari está "muito rápida neste final de semana" e que "será muito duro de batê-la na corrida". "Estou ansioso por uma corrida emocionante", ressaltou.

Já o alemão Nico Rosberg, companheiro de Hamilton na Mercedes, lamentou o fato de que acabou sendo superado por Sebastian Vettel no treino de classificação para o grid. Ele assim largará na terceira posição, fato que ele creditou a um "erro de estratégia" que admitiu ter cometido.

"Estava pensando demais na corrida e subestimei a velocidade de Sebastian na classificação. Tentando poupar o pneu do Q2 (segunda parte do treino de classificação), com o qual vamos largar, perdi o pique", reconheceu.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.