Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE
Hamad I Mohammed / Reuters
Hamad I Mohammed / Reuters

Hamilton supera reserva da Ferrari e lidera dia de testes da Fórmula 1 no Bahrein

Inglês fez 97 voltas, ficando atrás apenas de Marcus Ericsson

Estadao Conteudo

18 de abril de 2017 | 13h46

Dois dias após ser superado pela Ferrari de Sebastian Vettel no GP do Bahrein, o inglês Lewis Hamilton retornou ao circuito do Sakhir nesta terça-feira e conseguiu fechar o primeiro dos dois dias de testes coletivos da Fórmula 1 na primeira colocação com a sua Mercedes.

Hamilton também terminou o dia como segundo piloto que mais deu voltas na pista do Bahrein - 97 -, atrás apenas do sueco Marcus Ericsson, da Sauber, com 106. Na melhor dessas voltas, o inglês da Mercedes registrou a marca de 1min31s358.

Quem mais se aproximou de Hamilton, foi o italiano Antonio Giovinazzi, que participou das duas primeiras provas do campeonato pela Sauber e é piloto reserva da Ferrari. E pela equipe italiana, ele fez o tempo de 1min31s984, se juntando a Hamilton como únicos pilotos a registrarem uma volta em menos de 1min32 nesta terça-feira no Sakhir.

Líder do Mundial de Pilotos e principal rival de Hamilton na luta pelo título do campeonato, Vettel também participou das atividades. Mas o trabalho do alemão foi concentrado no desenvolvimento dos pneus da Pirelli para a temporada 2018 da Fórmula 1. E com essa função, ele fechou o dia em nono lugar após registrar 89 voltas.

O australiano Daniel Ricciardo, mesmo tendo dado apenas 45 giros, garantiu o terceiro lugar com a sua Red Bull ao marcar 1min32s349, sendo seguido pelo francês Romain Grosjean, da Haas.

Após ser o sexto colocado no GP do Bahrein, o brasileiro Felipe Massa ficou em quinto lugar nos testes desta terça-feira, com o tempo de 1min32s509 na melhor das suas 56 voltas. Ele dividiu o carro da Williams com o canadense Lance Stroll, seu companheiro de equipe e que terminou o dia na sétima posição. Entre eles, ficou o alemão Nico Hulkenberg, da Renault.

O indonésio Sean Gelael, que compete na Fórmula 2, teve seu primeiro contato com um carro de Fórmula 1 em um treino e colocou o seu Toro Rosso em oitavo lugar. O mexicano Alfonso Celis, piloto de testes da Force India, foi o décimo colocado.

Já a McLaren segue sem conseguir se afastar das dificuldades. Após perder todo o período matutino das atividades por causa de problemas no motor da Honda, o britânico Oliver Turvey, um dos pilotos reservas da equipe, registrou apenas 17 voltas e fechou o dia na última colocação.

Os testes da Fórmula 1 no Bahrein se encerram nesta quarta-feira. A próxima etapa do campeonato, a quarta, está agendada para 30 de abril, quando vai ser disputado o GP da Rússia.

Tudo o que sabemos sobre:
Fórmula 1Lewis Hamilton

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.