Heidfeld diz que novo carro da BMW precisa melhorar

Para o piloto alemão, carro F1.08 apresenta muitos problemas e ainda está longe do equilíbrio

REUTERS

23 de janeiro de 2008 | 15h58

O piloto alemão Nick Heidfeld demonstrou preocupação com o desempenho do novo carro da equipe BMW-Sauber, após ter realizado testes na Espanha. "Ano passado [nessa época] as coisas pareciam melhores para mim", disse Heidfeld ao site da revista Autosport, durante os testes desta quarta-feira no circuito de Valência. "O equilíbrio foi conseguido ano passado mais rápido, e nós estávamos mais próximos de onde queríamos estar. Mas eu ainda não posso dizer que este carro é pior, porque acho que nós sabemos quais áreas precisam ser trabalhadas", acrescentou o piloto. "Estamos bastante confiantes que em Melbourne nós possamos estar onde nós programamos que estaríamos." A BMW-Sauber terminou a temporada passada como vice-campeã, atrás da Ferrari, após a exclusão da McLaren do Mundial de Construtores por espionagem. Esse ano a equipe declarou como objetivo conquistar sua primeira vitória. A temporada começa na Austrália, em 16 de março. Heidfeld disse que o equilíbrio do novo F1.08 era o maior problema.

Tudo o que sabemos sobre:
Fórmula 1BMW SauberNick Heidfeld

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.