Heidfeld supera Pizzonia no teste

Antonio Pizzonia e Nick Heidfeld passaram nesta sexta-feira, em Jerez de la Frontera, na Espanha, por uma importante fase do vestibular que escolherá qual dos dois será titular da Williams na temporada 2005 da Fórmula 1. A equipe instalou pneus novos nos seus carros, bem como manteve volume semelhante de gasolina no tanque. Queria compreender melhor os dotes de velocidade de cada um.Os tempos não foram registrados no mesmo horário e, de acordo com o apurado pelo site grandepremio, Pizzonia vinha numa volta quatro décimos de segundo mais veloz do que o concorrete quando encontrou, lenta na sua frente, a Toyota de Ricardo Zonta. Assim, Pizzonia ficou com 1m17s097, o 6º melhor tempo do dia. E Heidfeld marcou 1m16s786, ficando em segundo lugar no treino, com marca 311 milésimos de segundo melhor do que a do brasileiro.O mais rápido desta sexta-feira foi o finlandês Kimi Raikkonen, da McLaren, com 1m16s307 (70 voltas). O colombiano Juan Pablo Montoya, o novo companheiro de Raikkonen, não treinou nesta sexta-feira, mas disse, no seu último treino, que a McLaren optou por não adaptar no carro de 2004 as regras de 2005. Isso explica o porque de Raikkonen e ele próprio serem quase sempre os mais rápidos em Jerez.Rubens Barrichello, com a Ferrari F2004 na configuração aerodinâmica de 2005, marcou 1m16s800 (73) nesta sexta-feira, fazendo o terceiro tempo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.