Helinho vence e Kanaan chega em 3.º em etapa da IRL

O brasileiro Helio Castro Neves, da equipe Penske, teve um ótimo desempenho neste domingo, em São Petersburgo, nos Estados Unidos, e conquistou a segunda prova da temporada na IRL. Ele chegou na frente do neozelandês Scott Dixon, da Chip Ganassi. Outro piloto do País teve motivos para comemorar: Tony Kanaan, da Andretti Green, ficou em terceiro. Vitor Meira (Panther Racing) cruzou na quinta posição, enquanto Felipe Giaffone (A.J. Foyt) foi o nono. Roberto Pupo Moreno (Vision Racing) não completou a prova.Helinho admitiu que pilotou em seu limite no final da corrida. ?Eu estava realmente rápido, ficando isso (quase juntando o polegar e o indicador) do muro de proteção?, contou o brasileiro. ?Aí eles (os integrantes da equipe) me disseram: ?Vai fundo?. Então, eu pilotei como se tivesse roubado o carro?.Com o resultado, Helinho conseguiu um feito inédito na carreira: foi a sua primeira vitória em circuitos não-ovais da IRL. O piloto, que manteve a tradição de se pendurar na grade de proteção após cruzar a linha de chegada em primeiro lugar, assumiu a liderança da prova na 94ª volta das 100 da corrida, beneficiado pelo fato de Dixon ter sido obrigado a entrar nos boxes para abastecer seu carro - corria o risco de ficar sem combustível na última volta. A disputa terminou sob bandeira amarela, após acidente entre Buddy Rice e Tomas Scheckter, que lutavam pela sexta posição nas voltas finais.A corrida de São Petesburgo foi realizada na seqüência da trágica etapa de Homestead, no domingo passado, quando o piloto americano Paul Dana perdeu a vida em acidente.

Agencia Estado,

02 de abril de 2006 | 20h49

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.