Honda investigará morte de piloto japonês

A Honda anunciou nesta sexta-feira que irá formar um comitê para investigar o acidente que causou a morte do piloto japonês Daijiro Kato, no último dia 6, no circuito de Suzuka, durante o GP do Japão de Motovelocidade, categoria MotoGP. Segundo comunicado da Honda, os técnicos da equipe analisaram a moto de Kato, depois do acidente, e não encontraram nenhuma irregularidade. Agora, o comitê foi criado pela montadora japonesa para tentar descobrir o que realmente causou o acidente que matou o piloto.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.