Húngaros preocupados com as chuvas

Por enquanto, as enchentes causadas por fortes e constantes chuvas na República Tcheca e na Alemanha não causaram estragos na Hungria. Mas quem vê o nível do rio Danúbio, que divide a capital do país em Buda e Peste, se assusta. A água já está próxima das avenidas que correm junto a suas margens, dos dois lados. A cidade começou já a se mobilizar para proteger certas áreas caso o Danúbio transborde. Nesta quinta caíram apenas alguns pingos na região do circuito Hungaroring. A apreensão é grande para a realização do GP do Mundial de Fórmula 1, no domingo.

Agencia Estado,

15 Agosto 2002 | 15h57

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.