David Crossling / EFE
David Crossling / EFE

Iannone lidera 1º dia de treinos livres na Austrália; pentacampeão Márquez é 7º

Britânico Cal Crutchlow cai, quebra o tornozelo e não poderá correr no domingo

Estadao Conteudo

26 Outubro 2018 | 09h14

Com o título da temporada de 2018 já definido - o espanhol Marc Márquez conquistou o pentacampeonato de forma antecipada na etapa anterior, no Japão -, os pilotos da MotoGP querem aproveitar as três corridas que faltam no ano para conseguiram a melhor colocação possível. Nesta sexta-feira começaram os treinos livres para a etapa da Austrália, em Phillip Island, e o melhor do dia foi o italiano Andrea Iannone, da Suzuki.

Com o cronômetro zerado na segunda sessão de treinos livres, Iannone conseguiu o melhor tempo do dia ao cravar 1min29s131. Ficou um pouco à frente do compatriota Danilo Petrucci, da Ducati, que marcou 1min29s291. O terceiro colocado foi o espanhol Maverick Viñales, da Yamaha, com 1min29s354.

Campeão antecipado, Marc Márquez foi regular nesta sexta-feira e fez apenas o sétimo melhor tempo do dia com 1min29s739. À frente dele ficaram o italiano Andrea Dovizioso (Ducati), em quarto lugar com 1min29s406; o britânico Cal Crutchlow (Ducati), em quinto com 1min29s616; e o francês Johann Zarco (Yamaha), em sexto com 1min29s686.

A lista dos 10 primeiros colocados no primeiro dia de atividades na Austrália é completada pelo australiano Jack Miller (Ducati), com 1min29s838, pelo espanhol Alex Rins (Suzuki), com 1min29s918, e pelo italiano Valentino Rossi (Yamaha), com 1min30s133.

ACIDENTE

Cal Crutchlow fez o quinto melhor tempo nesta sexta-feira, mas não poderá disputar a etapa australiano neste domingo. No final da segunda sessão de treinos livres, o britânico sofreu uma forte queda, tendo um tornozelo quebrado como consequência.

O piloto foi levado ao centro médico do circuito, onde saiu a confirmação de que havia sofrido uma fratura bimaleolar e da parte anterior da tíbia do tornozelo direito, precisando passar pela sala de cirurgia imediatamente.

Cal Crutchlow é o segundo piloto da MotoGP que não vai correr em Phillip Island. Recuperando-se de uma fratura no punho esquerdo, Jorge Lorenzo não chegou a ir para a Austrália para cuidar da lesão. Nesta semana, passou por uma operação em Barcelona.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.