Jenson Button apoia realização de um GP na Rússia

O britânico Jenson Button disse neste domingo que gostaria de participar de uma prova de Fórmula 1 na Rússia. O vice-líder da temporada está no país para promover a modalidade em um evento chamado Bavaria Moscow City Racing (BMCR). Ele deu umas voltas em sua McLaren pelas ruas da cidade.

AE, Agência Estado

18 de julho de 2010 | 15h45

"Isto não é um dia de trabalho e sim de diversão. Sempre quis visitar Moscou. Ainda não conheci muito a cidade, pois cheguei há dois dias. Seria uma ótima ideia ter um GP aqui, pois assim eu poderia voltar", disse o piloto, que, juntamente com o russo Vitaly Petrov, da Renault, mostrou as suas habilidades para milhares de pessoas que enfrentaram um calor de 37ºC.

Já há uma negociação com o detentor dos direitos comerciais da F-1, Bernie Ecclestone, para que em breve seja feita uma corrida em Moscou. O dirigente adiantou na última semana que uma de suas prioridades é fazer uma prova no país. Quem também está otimista é o diretor-geral da BMCR, Derk Sauer.

"O contrato ainda não está pronto, mas estamos muito próximos de fechar o negócio. Poderia ser que nem Mônaco, uma corrida no centro da cidade, com o Kremlin de fundo", imagina.

Tudo o que sabemos sobre:
Fórmula 1Jenson ButtonVitaly Petrov

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.