Junqueira vence e adia decisão

O piloto Bruno Junqueira venceu, na madrugada deste domingo, o GP da Austrália de Champ Car, em Surfers Paradise, o penúltimo da temporada, e adiou a decisão do título para a Cidade do México, em 7 de novembro. O líder do campeonato, Sebastien Bourdais, companheiro de equipe de Bruno, chegou em segundo e teve a vantagem para o brasileiro diminuída de 28 para 22 pontos. Bourdais tem agora 335 pontos contra 313 do vice-líder Junqueira.A corrida terminou com bandeira amarela, por causa de um acidente com o piloto canadense Patrick Carpentier, a quatro voltas do final, que se chocou contra o muro a 250 quilômetros por hora e teve seu carro partido em dois. Ele foi transferido para um hospital mas não sofreu nenhuma lesão grave. "Não tem melhor sensação do quer pisar fundo no acelerador quando o carro anda bem. Diverti-me muito e pude superar a Sebastien", disse Junqueira.O defensor do título, o canadense Paul Tracy não pôde manter a liderança desde a luz verde, ante a pressão que sofreu de Bourdais, e terminou a prova na quarta colocação, a mesma que ocupa na classificação geral.Junqueira disse que para manter alguma possibilidade de ganhar o título terá de subir ao posto mais alto do pódio pela terceira vez na temporada, no México: "Trabalharei duro para ganhar o campeonato."Classificação do GP da Austrália: 1º - Bruno Junqueira (BRA); 2º - Sebastien Bourdais (FRA); 3º - Mario Domínguez (MEX); 4º - Paul Tracy (CAN); 5º - Ryan Hunter-Reay (EUA); 6º - A.J. Allmendinger (EUA); 7º - David Besnard (AUS); 8º - Justin Wilson (ING); 9º - Guy Smith (ING); 10º - Nelson Philippe (FRA); 11º - Roberto González (MEX); 12º - Jimmy Vasser (EUA); 13º - Oriol Servia (ESP); 14º - Mario Haberfeld (BRA); 15º - Rodolfo Lavín (MEX); 16º - Patrick Carpentier (CAN); 17º - Michel Jourdain Jr. (MEX). Não temrinaram: 18º - Jaroslav Janis (CHE), volta 28, por problema mecânico; 19º - Alex Tagliani (CAN), volta 19, acidente.Classificação do campeonato: 1º- Sebastien Bourdais (FRA), 335 pontos; 2º - Bruno Junqueira (BRA), 313 pontos; 3º - Patrick Carpentier (CAN), 247 pontos; 4º - Paul Tracy (CAN), 243 pontos; 5º - Mario Dominguez (MEX), 228 pontos; 6º - Alex Tagliani (CAN), 208 pontos; 7º - A.J. Allmendinger (EUA), 204 pontos; 8º - Ryan Hunter-Reay (EUA), 197 pontos; 9º - Oriol Servia (ESP), 182 pontos; 10º - Jimmy Vasser (EUA), 180 pontos; 11º - Michel Jourdain Jr. (MEX), 172 pontos, 12º - Justin Wilson (ING), 165 pontos; 13º - Mario Haberfeld (BRA), 151 pontos; 14º - Rodolfo Lavin (MEX), 151 pontos; 15º - Roberto Gonzalez (MEX), 127 pontos; 16º - Nelson Philippe (FRA), 84 pontos; 17º - Gaston Mazzacane (ARG), 73 pontos; 18º - Guy Smith (ING), 49 pontos; 19º - Alex Sperafico (BRA), 47 pontos; 20º - David Besnard (AUS), 18 pontos; 21º - Memo Gidley (EUA), 15 pontos; 22º - Tarso Marques (BRA), 6 pontos e 23º - Jarek Jenis (CHE), 3 pontos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.