Kanaan vai correr por equipe de Gil de Ferran na Indy

Tony Kanaan está garantido no grid da Fórmula Indy em 2011. O piloto fechou contrato por uma temporada com a Ferran Dragon Racing e será comandado por outro brasileiro, Gil de Ferran, que fez o anúncio do acerto nesta segunda-feira, em entrevista coletiva na cidade de São Paulo.

MILTON PAZZI JR., Agência Estado

20 de dezembro de 2010 | 13h04

"Está difícil obedecer ele como patrão, pois nossas famílias são amigas. O legal é que pude falar em português no rádio com o Gil. Somos uma equipe pequena, mas com capacidade para melhorar. Das equipes que estava negociando, era a que eu queria pilotar", explicou Kanaan.

O brasileiro falou sobre a troca de time. "Foi uma decisão mútua a minha saída [da Andretti], e queria correr num lugar que acho que tenho chance de vencer e ser campeão. Ele [Gil de Ferran] me convidou para o teste, foi para ver se a direção da equipe era a certa. E deu tudo certo".

"Ano passado foi um pouco difícil, mas desenvolvemos sistemas que garantirão bom desempenho. Conheço o Tony desde que era pequeno e depois corremos juntos. Ele tem muita experiência e é isso que precisamos agora. Somos uma equipe jovem, com ambição de crescer. Nossos objetivos estão bem alinhados", garante Gil de Ferran.

Com a chegada de Kanaan, quem deixou a equipe foi o também brasileiro Raphael Matos, que conduziu o carro nas últimas duas temporadas. Assim, sua permanência na Fórmula Indy no próximo ano ainda é incerta.

Aos 35 anos, o piloto baiano vai disputar a sua 13ª temporada na Fórmula Indy (considerando a extinta Champ Car). E a Ferran Dragon Racing sua quinta equipe. Antes, ele passou por Tasman (1998),Forsythe (1999), Mo Nunn (2000-02) e Andretti (2003-10). Kanaan foi campeão da Fórmula Indy em 2004.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.