Kimi Raikkonen otimista após vitória no GP da Malásia

'Foi uma vitória fácil. Podia ter andado muito mais rápido, mas não foi necessário', diz o finlandês da Ferrari

Efe

25 de março de 2008 | 12h57

O piloto finlandês Kimi Raikkonen, da Ferrari, expressou seu otimismo nesta terça após vencer o Grande Prêmio da Malásia no último domingo, apesar de afirmar que o Mundial "será muito disputado". Logo após superar os problemas mecânicos que a escuderia italiana sofreu na Austrália durante a primeira prova da temporada, Raikkonen mostrou sua força e venceu com autoridade tirando 46 segundos de vantagem de seu principal rival na luta pelo título, o inglês Lewis Hamilton, da McLaren. "Foi uma vitória fácil. Andei com muita calma e poupei o carro para a próxima corrida. Podia ter andado muito mais rápido, mas não foi necessário", afirmou o piloto. O finlandês se mostrou especialmente satisfeito com o rendimento do F2008: "Temos um carro vencedor. Quando tudo funciona corretamente temos a velocidade necessária para vencer corridas", declarou.  No entanto, ele reconheceu que precisa melhorar seu rendimento pessoal durante os treinos de classificação para poder disputar as corridas com maiores chances de triunfo.  Raikkonen conseguiu sua última pole no GP da Bélgica em setembro de 2007.

Tudo o que sabemos sobre:
Fórmula 1Kimi RaikkonenFerrari

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.