Arquivo/AE
Arquivo/AE

Kobayashi admite que terá dificuldades no GP do Brasil

Japonês irá substituir o alemão Timo Glock, que ainda se recupera de acidente sofrido no Japão

Agencia Estado

12 de outubro de 2009 | 13h51

SÃO PAULO - O japonês Kamui Kobayashi comemorou por ter sido o piloto escolhido pela Toyota para substituir o alemão Timo Glock, que ainda se recupera de acidente sofrido no treino classificatório do GP do Japão. Ele admitiu, porém, que deve ter dificuldade em Interlagos.

Veja também:

F-1 2009 - tabela Classificação | especialCalendário

especialESPECIAL - Jogue o Desafio dos Pilotos

blog BLOG DO LIVIO - Leia mais sobre a F-1

"Esta é uma oportunidade incrível para mim para poder fazer minha estreia na Fórmula 1, ainda que seja uma pena para Timo e sei que ele desejava muito voltar a competir. Por sorte, tive algum tempo com o carro na sexta-feira em Suzuka e, ainda que com chuva, será muito útil no final de semana", afirmou.

O piloto japonês, que participou da GP2 nesta temporada, disse que não imaginava correr na Fórmula 1 neste ano e por isso evitou traçar metas. "Há alguns dias nem sequer esperava competir, assim é impossível ter objetivos. Só quero fazer o melhor que posso e completar a corrida sem problemas, qualquer coisa além disso será um bônus".

Kobayashi lembrou que nunca participou de uma prova no Brasil. "Nunca andei antes em Interlagos, mas conheço o traçado por jogos e televisão, assim não creio que vou demorar muito para aprender. Será um final de semana difícil, mas acho que estou preparado e que a equipe me apoia 100%".

Tudo o que sabemos sobre:
Fórmula 1Kamui KobayashiToyota

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.