Leandro Totti ganha na abertura da Fórmula Truck

A primeira corrida da temporada de 2006 da Fórmula Truck, neste domingo, em Caruaru (PE) foi emocionante. A duas voltas do final começou a chover no Autódromo Ayrton Senna. O líder Leandro Totti, da Ford, saiu da pista na última volta, mas conseguiu voltar pela grama e impedir que Roberval Andrade (Scania) vencesse na última curva. Em terceiro lugar ficou Wellington Cirino (Mercedes).Apenas sete caminhões dos 22 terminaram a prova, considerada uma das mais duras do calendário. Desde a sexta-feira, o Ford de Totti mostrou-se resistente e o piloto esteve sempre entre os três primeiros em todos os treinos. ?Foi uma prova muito disputada, em que vários caminhões poderiam disputar as primeiras posições. Mas desde o começo meu caminhão se mostrou muito confiável. Depois que assumi a primeira posição, só precisei poupá-lo até o fim?, analisou Totti.Neste domingo, o londrinense largou em décimo e fez uma corrida de recuperação, mas no sábado se aborreceu justamente com o novo sistema de classificação. Este ano, a organização do campeonato mudou as regras. Os pilotos com os cinco melhores tempos voltam à pista e decidem entre eles as cinco primeiras posições no grid. Entre os competidores, Totti fez o melhor tempo, mas após o treino a comissão desportiva anunciou sua desclassificação, o que resultou na 11.ª posição na largada. Na manhã deste domingo, o chefe de equipe da Londrina Truck Racing, Ernesto Pívaro Neto, o Gardenal, comunicou à imprensa que entraria com recurso na Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA). ?Como eles podem selecionar os cinco melhores e depois mandar lá para trás? No máximo, ele (Leandro Totti) deveria ter largado em quinto. Isso porque eu nem concordo que o caminhão dele tivesse fumaça?, reclamou Gardenal.Mas, segundo Totti, a CBA nem avaliou o pedido da equipe. ?Disseram que já tinha passado do tempo de reclamar?, disse o piloto, admitindo que a vitória abrandou a situação.Totti lidera o campeonato dos pilotos com 27 pontos, seguido de Roberval, com 21, e Cirino, com 13. Na disputa de marcas, a Mercedes é a primeira, com 30 pontos, seguida da Scania, com 26, e Ford, com 20.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.