Noushad Thekkayil / EFE
Noushad Thekkayil / EFE

Lewis Hamilton exalta equipe e revela confiança com carro: ‘Mais apto que nunca’

Com a vitória no GP do Catar, piloto britânico diminui para oito pontos a distância para o líder Max Verstappen

Redação, Estadão Conteúdo

21 de novembro de 2021 | 15h47

Lewis Hamilton se mostrou confiante para os dois últimos GPs da temporada da Fórmula 1, após vencer a prova inédita do Catar e acirrar a briga pelo título com Max Verstappen nesta reta final. O piloto britânico definiu o trabalho da equipe da Mercedes como “sólido” e valorizou os pontos conquistados neste domingo. Lewis possui agora 343,5 pontos contra 351,5 do piloto holandês da Red Bull.

"É uma sensação boa. Estou muito, muito feliz com o carro. Eu me sinto bem para as últimas corridas, mais apto fisicamente do que nunca. Foi uma corrida muito tranquila, sem muita emoção. Claro que eu gosto daquelas corridas em que você tem dificuldades, mas precisamos desses pontos hoje. Então, acho que foi um trabalho realmente sólido da equipe com os pitstops e com o carro", disse Hamilton, que na última semana também venceu o GP do Brasil.

Apesar de ver o rival da Mercedes se aproximar ao fim de mais um GP, o holandês Max Verstappen fez uma boa corrida de recuperação, já que largou em sétimo, punido por ignorar bandeiras amarelas, assim como Valtteri Bottas, da Mercedes. Max iniciou rapidamente a busca pelas primeiras posições e terminou em segundo, garantindo também um ponto extra por ter conquistado a melhor volta. O holandês valorizou sua pontuação final e disse que espera uma disputa acirrada até o fim.

“Nossa posição inicial ficou um pouco comprometida, mas felizmente tivemos uma boa largada e a partir daí eu estava rapidamente de volta ao segundo lugar. No final do dia, conseguir a volta mais rápida foi muito bom. E é claro que sei que vai ser difícil até o fim, mas acho isso bom, mantém tudo empolgante”, afirmou Verstappen.

A corrida deste domingo teve uma sequência de pilotos com pneus dianteiros furados, caso de Valtteri Bottas, da Mercedes, George Russell e Nicholas Latifi, ambos da Williams. Após a corrida, Hamilton disse que estava ansioso para ver o que aconteceu com as “zebras” da pista e definiu a temporada marcante de 2021.

"Mal posso esperar para assistir ao replay da corrida para ver o que aconteceu atrás de mim. Não tenho certeza de por que os pneus das pessoas estavam furando, tenho certeza de que são os meios-fios. Mas sim, estou muito, muito grato por esses pontos. Foi um ano e tanto”, disse o piloto da Mercedes.

20ª etapa da temporada, o GP do Catar foi o primeiro do país na história da Fórmula 1 e parece ter agradado os pilotos. O Circuito Internacional de Losail foi elogiado por Max Verstappen após a prova. “Esta pista é muito divertida de correr. Você sabe, é muito, muito rápida. Também em relação à degradação, acho que os pneus estavam se segurando muito bem, estava legal”, contou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.