Divulgação
Divulgação

Lotus contrata chinês para ser seu piloto de desenvolvimento

Adderly Fong ajudará na montagem do E23, o carro para 2015

Estadão Conteúdo

24 Março 2015 | 12h05

A Lotus anunciou nesta terça-feira que Adderly Fong, nascido em Hong Kong, foi contratado para ser um dos seus pilotos de desenvolvimento. A sua chegada acontece apenas alguns dias depois da equipe de Enstone confirmar a chegada da espanhola Carmen Jordá para a mesma função.

Fong, de 25 anos, já teve uma experiência anterior na Fórmula 1, no ano passado, quando pilotou um dos carros da Sauber no primeiro treino livre no GP de Abu Dabi. Agora, ele vai ajudar no desenvolvimento do E23, o carro da Lotus para a temporada 2015 da Fórmula 1, através do simulador, além de acompanhar alguns finais de semana de prova. 

O piloto chinês vai dividir as suas funções na Lotus com a participação na GP3, categoria em que compete desde 2013, e também na GT Ásia. "Esta é uma grande oportunidade para continuar a minha carreira de piloto. Eu poderei aprender como uma equipe de Fórmula 1 funciona durante os fins de semana de corrida, como parte integrante da equipe, e essas experiências inestimáveis vão ajudar no meu desenvolvimento futuro como um piloto de Fórmula 1", disse.

Fong revelou o sonho de se tornar o primeiro chinês a participar de uma prova da Fórmula 1. "Eu pretendo ser o primeiro piloto chinês a competir em um GP de Fórmula 1, o que irá ajudar a promover o esporte na China e também em Hong Kong. Há um grande potencial para mim na Lotus, então eu mal posso esperar para assumir o meu novo papel", afirmou.

Mais conteúdo sobre:
velocidade Fórmula 1 Lotus Adderly Fong

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.