Luciano Burti não corre mais este ano

O piloto brasileiro Luciano Burti (Prost) não vai mais correr este ano. Os médicos que cuidam do piloto avaliam que Burti não deverá se recuperar plenamente do acidente no GP da Bélgica, no dia 2 de setembro, quando bateu de frente contra uma barreira de pneus. ?Os médicos me recomendaram enfaticamente que não deveria voltar a correr este ano?, disse hoje o piloto. "O acidente foi muito sério, e eu não poderia correr o risco de sofrer algum novo golpe na cabeça. As conseqüências poderiam ser ainda piores. Devo descansar até o final de dezembro e, por hora, é que o tenho para o meu futuro?, disse o piloto, de 25 anos, que na quarta etapa substituiu o argentino Gastón Mazzacane.Nos GPs dos Estados Unidos e Japão, Burti será substituído pelo checo Tomas Enge, que já correu pela Prost no GP de Monza.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.