Magnussen lidera 1.º dia de testes da F1 em Silverstone

O dinamarquês Kevin Magnussen, da McLaren, liderou o primeiro dia de testes que a Fórmula 1 realiza entre esta quarta e sexta-feira, no circuito de Silverstone, na Inglaterra. O jovem piloto de 20 anos, cujo pai, Jan, correu pela tradicional escuderia inglesa em 1995, cravou na parte da tarde o melhor tempo no geral ao cronometrar 1min33s602.

AE, Agência Estado

17 de julho de 2013 | 14h57

Este primeiro dia de trabalhos na pista inglesa contou apenas com novatos, exceto o escocês Paul di Resta, segundo mais rápido desta quarta-feira com a sua Force India ao marcar 1min33s774.

Essa série de três dias de testes em Silverstone seria inicialmente apenas para os jovens pilotos em desenvolvimento, mas a Federação Internacional de Automobilismo (FIA) decidiu liberar a presença dos competidores principais da categoria para que eles possam testar os novos pneus da F1, que serão fornecidos pela Pirelli a partir da etapa seguinte do Mundial, o GP da Hungria, no próximo dia 28, em Budapeste.

Antes de fechar o dia na ponta, Magnussen havia sido apenas o nono e penúltimo colocado no treino realizado pela manhã em Silverstone, quando o líder foi o inglês James Calado, pilotando pela Force India, antes de terminar os trabalhos em quarto lugar.

Já o português Antonio Felix da Costa, da Red Bull, ficou em terceiro no geral e esteve muito próximo do tempo de Di Resta ao cravar 1min33s821 na melhor de suas 82 voltas na pista. O escocês da Force India, por sinal, acabou sendo o primeiro piloto titular da F1 a experimentar os novos pneus que serão usados pelas equipes no GP da Hungria.

Horas antes do início dos treinos desta quarta, Felix da Costa foi premiado com um dia inteiro a mais de pista em Silverstone, depois de a Red Bull ter anunciado que o australiano Mark Webber não participará desta série de testes.

Atrás de Felix e Calado, o espanhol Daniel Juncadella, da Williams, o venezuelano Johnny Cecotto Jr., da Toro Rosso, o holandês Robin Frijns, da Sauber, e o francês Nicolas Prost, da Lotus, completaram, nesta ordem, o grupo dos oito primeiros colocados. Já o italiano Davide Rigon, da Ferrari, foi apenas o nono pela Ferrari.

Os testes da F1 em Silverstone prosseguirão nesta quinta-feira e na sexta, quando Felipe Massa irá para a pista. O espanhol Fernando Alonso, seu companheiro de Ferrari, acabou dispensado destes trabalhos na Inglaterra depois de ter admitido que não via utilidade em sua participação nos mesmos.

Confira a classificação dos testes desta quarta-feira em Silverstone:

1.º Kevin Magnussen (DIN/McLaren), 1min33s602

2.º Paul di Resta (ESC/Force India), 1min33s774

3.º Antonio Felix da Costa (POR/Red Bull), 1min33s821

4.º James Calado (ING/Force India), 1min33s986

5.º Daniel Juncadella (ESP/Williams), 1min34s098

6.º Johnny Cecotto Jr. (VEN/Toro Rosso), 1min34s193

7.º Robin Frijns (HOL/Sauber), 1min34s236

8.º Nicolas Prost (FRA/Lotus), 1min34s810

9.º Davide Rigon (ITA/Ferrari), 1min34s874

10.º Alexander Rossi (EUA/Caterham), 1min35s651

11.º Tio Ellinas (CHP/Marussia), 1min36s676

12.º Max Chilton (ING/Marussia), 1min38s347

Tudo o que sabemos sobre:
Fórmula 1Kevin MagnussenMcLaren

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.